prybiczmaria@gmail.comFollow by Email tyle>.ig-b- { display: inline-block; } .ig-b- img { visibilit

terça-feira, 13 de outubro de 2009

"DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO - SOCIAL"

IDH - INDICE DE DESENVOLVIMENO HUMANO

- Podemos associar mínimo “IDH” com: nutrição sofrível - saúde precária; baixa escolaridade e, consequentemente - baixa renda “per capita”; baixa auto-estima, infra-estrutura de acesso ruim – dificultando o escoamento de produtos que por ventura possa haver no local, implantando novas tecnologias de aproveitamento de recursos naturais, ensinando métodos de higiene e conservação da água e do solo e de manutenção das propriedades físicas, etc.

- Portanto, concluímos que estando tudo relacionado – políticas econômico-sociais deverão ser prontamente permanentemente providenciadas através de projetos não assistencialistas e sim de desenvolvimento econômico local e/ou glocal na geração e distribuição da renda (desconcentrando-a). Investindo na educação, oportunizando, ou seja, proporcionar oportunidade para o primeiro emprego (menor aprendiz e/ou maior aprendiz – homens e mulheres com salários isonômicos) toda sociedade engajada no bem comum de todos (as), fazendo a sustentabilidade florescerem na aldeia do nativo e/ou cativo, procurar no capital humano-social local o ímpeto de preservação e orgulho latente e inerente a todos os cidadãos (como seres humanos que o são por excelência), dignificando-os para cidadania nacional!

- Futuramente, saberemos como as boas decisões foram tomadas e fizeram com que belos resultados sociais- desenvolvimentistas surgissem, impulsionadas pela ânima (colocando o otimismo como chave) alavancadora, com metas para o progresso-econômico-social!
Referências: Diversas e pesquisas com autorias próprias.
Ctba, 13/out/09
Prof.ª Mª M. Prybicz

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Economista/Professora/Escritora de Blog e outros; Disciplina: Gestão de Negócios; - Autonomia em Consultorias em Geral.