prybiczmaria@gmail.comFollow by Email tyle>.ig-b- { display: inline-block; } .ig-b- img { visibilit

segunda-feira, 1 de março de 2010

“ECONOMIA PARTICIPATIVA”

FALANDO FRANCAMENTE SOBRE TEXTOS
- Normalmente sempre que procuro escrever um texto qualquer, acho que todos já observaram que os mesmos mesclam em a iniciativa privada e a pública, tentando analisar de forma equilibrada os momentos políticos econômicos do nosso país. E tentando ajudar na solução de alguns problemas apontando-os. Posso até não ajudar muito, mas faço lembrá-los que precisam urgentemente de soluções.
- Sempre com a intenção de melhorar, no fundo o social tão carente de medidas sócio-econômicas e políticas de desenvolvimento de determinadas regiões, as quais, não apenas paliativas como vem acontecendo nos últimos tempos, segundo as minhas observações.
- Adoro o meu país e se cada um fizesse um pouco mais, todos estariam em melhores condições ambientais, sócio-econômicas e políticas.
- Às vezes uma provocação é benéfica!
- Em 1763,(Adam Smith)  - o pai da Economia - durante viagem à França e à Suíça, entra em contato com os fisiocratas. Volta para a Escócia e publica sua principal obra, Investigação sobre a Natureza e as Causas da Riqueza das Nações. Nela, define os pré-requisitos para o “liberalismo Econômico” e a prosperidade das nações, como o combate aos monopólios, públicos ou privados; a não-intervenção do Estado na economia e sua limitação às funções públicas de manutenção da ordem, da propriedade privada e da justiça; a liberdade na negociação do contrato de trabalho entre patrões e empregados; e o livre comércio entre os povos
Ctba, 01/mar/10
Prof.ª Mª M. Prybicz

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Economista/Professora/Escritora de Blog e outros; Disciplina: Gestão de Negócios; - Autonomia em Consultorias em Geral.