prybiczmaria@gmail.comFollow by Email tyle>.ig-b- { display: inline-block; } .ig-b- img { visibilit

segunda-feira, 30 de março de 2009

GOVERNO REDUZ IPI PARA MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou nesta segunda-feira medidas de estímulo à economia. Entre elas, está a prorrogação da redução do IPI para veículos e a redução do imposto para materiais de construção civil. Ao lado do vice-presidente José Alencar, Mantega anunciou, em São Paulo, novas medidas de estímulo à economia.

Entre outras medidas anunciadas pelo governo, está a redução do IPI sobre materiais para a construção civil, entre os quais cimento, de 4% para zero.
O governo também anunciou a prorrogação por mais três meses da redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para veículos. O acordo prevê uma exigência de manutenção dos empregos nas montadoras.
Mantega afirmou que a prorrogação deve ser suificiente para dar fôlego à economia. "Em três meses, a economia já deve se recuperar e o emprego voltará aos níveis normais", apostou o ministro. Mantega avaliou a medida, adotada a partir de dezembro, como "muito bem sucedida". "Esta medida foi muito bem-sucedida, porque houve uma recuperação rápida da atividade. A indústria automotiva é importante para o País porque é uma cadeia produtora que chega a representar 23% do PIB industrial", disse Mantega.

A cobrança da Cofins sobre motos também será reduzida pelo governo, segundo o ministro da Fazenda. Ainda como incentivo fiscal, Mantega informou redução da alíquota do IR para as pessoas jurídicas instaladas na Zona Franca de Manaus, bem como para as empresas do setor de papel e celulose e para a fabricação de matérias escolares como lápis, canetas, apontadores e lapiseiras.

Em contrapartida, o governo anunciou um aumento na tributação sobre o cigarro, que, segundo Mantega, vai "pagar a conta das reduções" feitas pelo governo para combater os efeitos da crise financeira internacional no Brasil. Vai ocorrer elevação do IPI e o PIS-Cofins, com impacto médio de 30% no preço final do produto.

As medidas serão publicadas no Diário Oficial da União de amanhã e entrarão em vigor no dia 1º de abril, segundo Mantega.

(Com informações da Reuters e Valor Online)Governo reduz IPI para materiais de construção.

- Medida justa e acertada!

Ctba, 30/mar/09
Profª Maria M. Prybicz

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Economista/Professora/Escritora de Blog e outros; Disciplina: Gestão de Negócios; - Autonomia em Consultorias em Geral.