prybiczmaria@gmail.comFollow by Email tyle>.ig-b- { display: inline-block; } .ig-b- img { visibilit

terça-feira, 9 de agosto de 2011

"ECONOMIA INTERNACIONAL"


A ECONOMIA COM SOBRESSALTOS
Pouco antes, durante a declaração à imprensa ao lado de Harper, Dilma apontou o unilateralismo e a falta de políticas fiscais como riscos à economia global. "Políticas monetárias unilaterais, insensatez política na condução da economia, ajustes fiscais não completados comprometem o crescimento da economia mundial e golpeiam o equilíbrio social e político de muitos países desenvolvidos. Quem paga a conta é o conjunto da humanidade", disse.
Mas criticou o rebaixamento da nota de dívida dos EUA. "Nós podemos deixar claro que não compartilhamos com a avaliação precipitada e um tanto quanto rápida e, eu diria assim, não correta da agência que diminuiu o grau de valorização de crédito dos Estados Unidos, a Standard & Poor's".
Dilma também criticou a "insensatez política" ao se referir aos Estados Unidos e a dificuldade que o presidente norte-americano, Barack Obama, teve no Congresso para aumentar o teto da dívida norte-americana.
"É fundamental para todos os países do mundo que Estados Unidos e Europa voltem a consumir, a investir", disse Dilma a jornalistas.
Fonte: Gazeta do Povo
Ctba, 09/08/11
Maria Prybicz

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Economista/Professora/Escritora de Blog e outros; Disciplina: Gestão de Negócios; - Autonomia em Consultorias em Geral.